21 junho 2005

Ayrton Mugnaini Jr.



"A paixão e o desejo me consomem...."
"Ela agora é maneta por causa desse rapaz..."

Em "Capetão 66.6 Fm" usamos esses sample aí, que a maioria das pessoas não deve ter idéia de onde vem. Não, caros amigos, não é um som "genérico" brega que recolhi em alguma rádio AM... Estes aí são pequenos tostões do mais puro Ayrton Mugnaini Jr.

Alguns conhecem o cara como jornalista de São Paulo, muito bom aliás, e como compositor de algumas canções do Lingua De Trapo. Tá tocando baixo com o Kid Vinil agora. Mas o que interessa MESMO é sua carreira solo como cantor, compositor, arranjador, gravador e mixador de suas fitinhas cassete que fizeram a alegria de muitos de meus correligionários, principalmente no final dos 80. Acho que foi o Rubs que descobriu o ouro, e apareceu com várias das fitas do Ayrton, e a partir daí o mundo revelou-se de uma outra cor. Todas as fitas tinham o nome BREGA no meio, algo tipo "Não faço mais que mnha oBREGAção", e um chiado incrivelmente musical, algo difícil de explicar. Era mesmo o apogeu do "tão ruim que é bom".
Depois conhecemos o Ayrton pessoalmente, descobrimos que o cara é de um incrível conhecimento musical, um grande colecionador de discos, alem de carregar um cavaquinho pra lá e pra cá como se fosse um walkman. Não gasta pilha e, se quiser ouvir alguma música, ele simplesmente a toca!
Um dia chamamos o Ayrton para participar de um especial da MTV tocando uma marchinha antiga de carnaval. "Maria Boa" era a música. Ensaios memoráveis em sua casa. Ouvimos um monte de seus discos antigos para escolher a canção. O Ayrton sabe que a gente sempre o cita nas entrevistas e dizemos que é nosso ídolo. Daí que sempre que ele tem que escrever algo do Pato Fu, ele tem a manha de colocar: "... porque blá blá blá o novo disco do Pato Fu (banda da qual sou ídolo) está muito bom e tal..."



Em tempo: estou escrevendo isto aqui não é porque ele morreu ou algo assim não, sai fora! Estou escrevendo para recomendar! E já vou adiantando, não sei como conseguir suas coletâneas. Ô Ayrton, se você estiver lendo isso, diz aí, como é que faz?

Ah, vou tacar aqui um pedaço de letra que me vem à cabeça. É de memória, então me perdoem se não estiver exata. É da clássica "Maneta":

Eu só lhe pedi a mão
No sentido figurado
Mas ela levou à sério
Fiquei até impressionado
Um dia ela se encheu
Um machado ela pegou
Cortou fora a própria mão
E em minha cara arremessou

Ela agora é maneta
Por causa desse rapaz
Uma mão lava a outra
Eu não sei como ela faz

Ela agora é maneta
Tem um toco no antebraço
Mas ainda é capaz
É capaz de me dar meio abraço

Mais:

http://www.ayrtonmugnainijr.blogspot.com

17 Comments:

Anonymous Alice said...

Aaaaaaaaaaaaaaaah!!! NOssa, o mundo faz MUITO mais sentido agora que sei a origem d'ela agora é maneta!

Genial! Adorei o Ayrton! Pena que a divulgação fica difícil, principalmente sem a nossa amiga internet para baixar músicas.

Mas viva a cara para a voz! Ae!

21/06/2005 10:28  
Blogger Akotan said...

Meu! Muito bom isso! hahahaha!
Fiquei com vontade de ouvir a música e conhecer outras pérolas! (^_^)

21/06/2005 13:59  
Blogger  said...

Caracas!!! Juro que fiquei copm água na boca...

Será que não dá pra conseguir as fitas e tetar pôr os áudios na Net não?

Tentem trocar um lero sobre isso com o vosso ídolo! :D

...

21/06/2005 20:10  
Blogger John said...

e aí ayrton?

21/06/2005 21:36  
Blogger John said...

Ah, acabei de descobrir que ele tem um blog:

http://www.ayrtonmugnainijr.blogspot.com/

Buenas!

22/06/2005 10:55  
Blogger Ayrton Mugnaini Jr. said...

Grande John! Blog supimpa!

Nada como conhecer o autor para conhecer a obra na íntegra, e aí vai:

MANETA (ÓPERA-BREGA EM TRÊS ATOS FALHOS)
Ayrton Mugnaini Jr.

Primeiro Ato:

Todo dia eu ligava
Pra casa da minha paixão
Sempre pedindo pra que ela
Me ofertasse a sua mão
Até que um dia ela se encheu
Um machado ela pegou
Cortou fora a própria mão
E na minha cara arremessou
Ela agora é maneta
Por causa desse rapaz
Uma mão lava a outra
Eu nem sei como ela faz
Ela agora é maneta
Tem um toco no antebraço
Mas ainda é capaz
É capaz de me dar meio abraço

Segundo Ato:

Eu só lhe pedi a mão
No sentido figurado
Mas ela levou a sério
Fiquei até impressionado
A sua mão eu pus no álcool
Como uma recordação
Mas eu ainda quero o resto
E não vou desistir, não
Ela agora é maneta
Por causa desse rapaz
Uma mão lava a outra
Eu nem sei como ela faz
Ela agora é maneta
Tem um toco no antebraço
Mas ainda é capaz
É capaz de me dar meio abraço

Terceiro Ato:

Eu continuei insistindo
E ela me ligou então
Diz que vem aqui pra casa
Vem buscar meu coração
Eu espero aqui na porta
E fiquei apavorado
É que ela vem chegando
Vem brandindo seu machado
Ela agora-
(Peraí, tem mais um refrão!)
Ela agora é maneta
Por causa desse rapaz
Uma mão lava a outra
Eu nem sei como ela faz
Ela agora é maneta
No punho esquerdo não tem nada
Mas ainda é capaz
É capaz de me dar uma machadada
(Êi, peraí, eu tava só brincando!
você parece comunista, leva tudo a sério!
Não! Não! NÃÃÃÃÃÃ-)

22/06/2005 11:49  
Blogger Ayrton Mugnaini Jr. said...

Ah, sim, atualizando: o Magazine de Kid Vinil parou em meados de 2004. E neste instante estou "desconjuntado", mas com a carreira-solo sempre em frente.

22/06/2005 14:12  
Anonymous Dudi said...

Jésuis! Olha isso, finalmente revelada a música da Maneta, o verso unico apresentado em Capetão 66.6fm já era engraçado, agora entaum-se...
Uma versão Pato Fu dessa Ópera não seria nada mal, faz uma coisa "caseira" mesmo hehehehe
Agora tem que rolar o desdobramento da outra musiqueta que rola na bagunça das FM...

23/06/2005 00:34  
Blogger Rubs Troll said...

Letristas brasileiros: buarque, russo , seixas, mugnaini.Fim de papo.

23/06/2005 09:34  
Blogger Mila said...

Clássico!!!

24/06/2005 16:08  
Anonymous carou said...

aaaaaaaaaaaaaaah jonildo!
aaaahhhhhhhhhhhhhh jonildo!

é sempre bom aproveitar as coisas que a gente curte em um trabalho próprio...

24/06/2005 19:17  
Anonymous Vítor Rodrigo Dias said...

hahahahahahaha, "tão ruim que é bom" é otima... capetão 66,6 FM é o clássico dos clássicos de samplers bem usados e não se fala mais nisso!

essa frase "tão ruim que é bom" me lembra de um programa que ando ouvindo muito: o Bolero de Lero-Lero, todo dia às 20hs na 106,7 FM de BH

28/06/2005 03:04  
Anonymous Doolittle said...

tô chorando de rir!

29/06/2005 19:59  
Anonymous Doolittle said...

Seguindo o assunto de músicas "crássicas", vocês já ouviram "Jesus Negão" da banda Libera o Badaró? Eles citam o Pato Fu bem no finalzinho.
http://www.liberaobadaro.com.br

30/06/2005 21:03  
Anonymous DANIELA BELO said...

EM 1999 TIO ROGÉRIO, EU , TITA, GUI, E FRED, MONTAMOS UMA BANDINHA! A POWER BAND=POWER TRIO + POWER GIRLS. ERA BEM ENGRAÇADO! A GENTE DESNTERRROU ALGUNS HITS DO SEXO EXPLÍCITO, ALGUMAS LETRAS DO TIO RONEY E TAMBÉM MANETA DO AYRTON. SENSACIONALLLLL!!!

03/07/2005 15:29  
Anonymous Ruy Ferreira said...

Eu tava ouvindo Pato Fu e resolvi procurar as musicas q sao sampleadas em Capetao 66.6. Sempre ri demais daqueles trechos e fiquei curioso p saber quem os criaram. Interessante eh q foram feitas pelo msm cara. Gostei da cratividade do Ayrton..
Queria saber se vcs podem disponibilizar p mim essa musicas (Maneta e O Homem da Minha Vida).
Grato, Ruy. (ruy83@hotmail.com)
[]s

24/04/2006 22:42  
Anonymous Anônimo said...

airtao vc e o cara.gostei muito do seu alta frivolidade.abraco

06/09/2008 20:52  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home